Artigos

Centro de Portugal, Porto e Norte e Castela e Leão reforçam cooperação transfronteiriça no Turismo

O Turismo Centro de Portugal e as entidades congéneres das regiões vizinhas de Castela e Leão e Porto e Norte acordaram hoje, numa reunião, uma série de iniciativas tendentes a fazer face à situação provocada pela atual pandemia.

As iniciativas passam pelo reforço da cooperação transfronteiriça em produtos turísticos comuns às regiões, nomeadamente através de uma estruturação, promoção e valorização turística conjunta. Entre os produtos turísticos conjuntos mais relevantes destacam-se o Enoturismo, Gastronomia e Vinhos, os Lugares Património Mundial da UNESCO, o Turismo Cultural e Religioso e as Rotas Napoleónicas.

Na reunião, foi dado um ênfase especial aos Caminhos de Santiago, uma vez que está em curso o processo de certificação dos itinerários. Foi enaltecido o facto de o Caminho Português ser o que mais tem crescido entre todos os Caminhos. Também as Rotas dos Vinhos, que juntam as três regiões, mereceram atenção redobrada.

A reunião, que decorreu através de uma plataforma online, juntou responsáveis das áreas do turismo das regiões Centro de Portugal, Porto e Norte de Portugal e Castela e Leão, além das CCDR (Comissões de Coordenação e Desenvolvimento Regional) do Centro e do Norte, entre outras instituições.

A 31.ª Cimeira Ibérica, que vai realizar-se em outubro, na cidade da Guarda, foi outro tema relevante da conversa de hoje. Os participantes sublinharam a necessidade de se preparar uma agenda comum a nível do Turismo, enquanto elemento aglutinador em domínios como a mobilidade e acessibilidade, a digitalização, inovação e eficiência energética, a sustentabilidade e economia circular, a coesão territorial e competitividade e a formação e qualificação da oferta e ativos.

Centro de Portugal com presença forte na Feira Internacional de Turismo de Madrid

FITUR decorre de 22 a 26 de janeiro. Região está representada a nível institucional e por muitas empresas, associações e municípios

A marca Centro de Portugal vai estar presente de forma diversificada na FITUR – Feira Internacional de Turismo de Madrid, que decorrerá esta semana na capital espanhola. A presença da região acontece através da Agência Regional de Promoção Turística Centro de Portugal, que está representada no stand do Turismo de Portugal, e de outros expositores que representam empresas, associações e municípios do território. A Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal vai aproveitar a presença para realizar reuniões de trabalho ao mais alto nível, relacionadas com a cooperação transfronteiriça.

A FITUR decorre de 22 a 26 de janeiro, no recinto da Feira de Madrid. Os visitantes podem encontrar a representação do Centro de Portugal no Pavilhão 4 – Stand 4D02.

A edição de 2020 da mais importante feira de turismo da Península Ibérica reúne 918 expositores, o que representa um crescimento de 3,8% em relação a 2019. Estarão presentes 11.040 empresas de 165 países e regiões e a organização prevê que seja superado o número de 142.000 profissionais que participaram no ano passado.

A participação da marca Centro de Portugal na FITUR assume um carácter estratégico dada a histórica importância do mercado espanhol: a Feira Internacional de Turismo é um ponto de encontro obrigatório para um grande número de empresas da região.

Valorização do Património e Cultura e Desconcentração da Procura são alguns dos desafios estratégicos do Centro de Portugal que nortearam a preparação de um extenso leque de reuniões que terão lugar durante os cinco dias em que dura a Feira. Questões relacionadas com novas ofertas de produtos sustentáveis e destinos turísticos inteligentes merecerão também uma particular atenção.

Entre os muitos encontros de trabalho previstos com várias entidades oficiais, destacam-se as reuniões com as Juntas de Turismo de Castilla y Leon e da Extremadura, destinadas a aprofundar projetos em curso e futuros de promoção e cooperação transfronteiriça. No mesmo âmbito, vão decorrer reuniões dos projetos Interreg (Cooperação Territorial Europeia), em que o Centro de Portugal é parceiro.

A FITUR é hoje um destino obrigatório para a marca Centro de Portugal e para as empresas da região que apostam de forma decisiva na internacionalização, e particularmente no mercado espanhol. A presença num mercado que sempre foi decisivo para a região Centro do país demonstra a crescente vitalidade das empresas do setor do Turismo, assim como a qualidade dos seus serviços e a forma extraordinária como sabem aliar os valores da tradição à modernidade e exigência que comporta a competitividade global”, salienta Pedro Machado, presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal e da Agência Regional de Promoção Turística Centro de Portugal.

Além do espaço institucional da marca Centro de Portugal, marcam presença nesta edição outras entidades e empresas da região, nomeadamente os municípios de Castelo Branco, Viseu, Condeixa-a-Nova e Proença-a-Nova, as Aldeias Históricas de Portugal, e as empresas Aveiro Emotions, Aveiro Moments, Fátima Hotels Group, Hotéis Cristal, Hotel Cinquentenário & Conference Center, Hotel dos Templários by GJC Hotels, Montebelo Hotels & Resorts, Natura IMB Hotels, Ostraveiro, Pinhal Tour DMC, SDivine Fátima Hotel – Congress & Spirituality, Steyler Fátima Hotel, Tivoli Coimbra e Try Portugal.