Tag Archive for: Turismo Centro de Portugal

Turismo do Centro aposta na criatividade e sustentabilidade para o Dia Mundial do Turismo

O Turismo Centro de Portugal (TCP) vai assinalar o Dia Mundial do Turismo, que se comemora a 27 de setembro, com uma série de iniciativas na região. O foco estará na criatividade, de braço dado com a sustentabilidade.

A Organização Mundial do Turismo escolheu “Repensar o Turismo” como tema deste ano do Dia Mundial do Turismo. Com este mote, pretende “colocar as pessoas e o planeta em primeiro lugar e reunir todos, desde governos e empresas até comunidades locais, em torno de uma visão partilhada para um setor mais sustentável, inclusivo e resiliente”.

Partindo desta premissa, o Turismo Centro de Portugal vai mostrar nos próximos dias que a criatividade está intimamente ligada com a sustentabilidade dos territórios. Como refere Pedro Machado, presidente do TCP, “repensar o Turismo é pôr a criatividade ao serviço das populações. É fundamental que todos os agentes da atividade turística, em conjunto, assumam que o Turismo de nada serve se não contribuir para a melhoria da qualidade de vida das populações e tornem assim esta atividade ainda mais aliciante e geradora de desenvolvimento”.

As principais iniciativas a realizar nos próximos dias têm como alvo a promoção dos cinco destinos da região Centro de Portugal que integram a Rede das Cidades Criativas da UNESCO – uma rede exclusiva, que distingue as melhores práticas criativas e que reconhece a importância da criatividade para tornar as nossas vidas mais completas.

Assim, o TCP irá promover uma visita de jornalistas e bloggers às cinco Cidades Criativas do Centro de Portugal: Caldas da Rainha (Cidade Criativa do Artesanato e Artes Populares), Óbidos (Cidade Criativa da Literatura), Covilhã (Cidade Criativa do Design) e Idanha-a-Nova e Leiria (ambas Cidades Criativas da Música). A visita inclui a cidade de Aveiro, por ser a única cidade do Centro de Portugal finalista nas candidaturas a Capital Europeia da Cultura em 2027. São destinos que, cada um à sua maneira, apresentam argumentos que justificam visitas prolongadas, por roteiros criativos que convidam ao usufruto de experiências diversificadas e que não deixam ninguém indiferente.

Paralelamente, vai ser lançado, na semana em que se comemora o Dia Mundial do Turismo, o Guia “Cidades Criativas do Centro de Portugal”. Este guia, a ser distribuído por um jornal nacional, tem como eixo central a promoção dos cinco destinos criativos.

O Dia do Turismo irá também ser promovido, de várias formas, nas plataformas online do TCP, nomeadamente o seu site e as suas páginas nas redes sociais.

Outra iniciativa em curso, e que se insere no desafio de “repensar o Turismo”, é a co-criação do “Manifesto para o Turismo Sustentável do Centro de Portugal”. Prestes a ser apresentado, este manifesto assume-se como uma declaração formal que transmite as intenções, a visão e as ações que o TCP quer ver aplicadas no território. O manifesto resulta do Projeto do Centro Sustentável, que pretende afirmar o Centro de Portugal como um território sustentável, valorizando a sua autenticidade e a sua diversidade.

A segunda etapa do projeto está também já em curso. Trata-se da elaboração do Diagnóstico de Sustentabilidade, que dá voz aos que habitam e trabalham no Centro de Portugal. Este diagnóstico irá posteriormente dar origem ao Plano de Ação para a Sustentabilidade do Centro de Portugal 2030, uma terceira etapa mais estratégica e na qual já colaboram as Comunidades Intermunicipais e os Municípios da região.

Por fim, é de destacar que o TCP irá participar na VI Cimeira do Turismo Português, que se realiza no dia 27, em Lisboa. Organizado pela Confederação do Turismo de Portugal, a Cimeira do Turismo tem como tema “O Turismo e o Novo Mundo”. Neste encontro, as principais figuras do Estado português e um vasto conjunto de oradores nacionais e internacionais, privados e públicos, vão debater de que forma o Turismo se deve adaptar à nova realidade que hoje vivemos.

Turismo Centro de Portugal participa em duas feiras internacionais em Espanha

A Turismo Centro de Portugal vai participar este mês em duas feiras internacionais em Espanha. De 23 a 25 de setembro, estará presente na Naturcyl – Feira Internacional de Ecoturismo, seguindo-se a Termatalia – Feira Internacional de Turismo Termal, de Saúde e Bem-Estar, de 28 a 29 de setembro.

A Naturcyl decorre em Ruesga, Palência. Esta é a 5.ª edição da feira, que está a impor-se como um dos fóruns mais importantes para a promoção do ecoturismo. Ao mesmo tempo, constitui um ponto de encontro imprescindível para a troca de ideias e de oportunidades de negócio entre profissionais e amantes do ecoturismo e do meio rural.

A Turismo Centro de Portugal está representada na Naturcyl com um stand próprio de 9m2, em que irá divulgar e promover o seu vastíssimo Património Natural. De salientar que o território do Centro de Portugal engloba, entre muitos outros ativos turísticos ligados à natureza, os Geoparques Estrela e Naturtejo da UNESCO; os Parques Naturais do Tejo Internacional, da Serra da Estrela e do Douro Internacional; as reservas da Malcata e da Faia Brava e, ainda, duas Cartas Europeias de Turismo Sustentável: Montanhas Mágicas e Terras do Lince.

Com esta participação, a Centro de Portugal pretende também consolidar a identidade territorial das Terras do Lince enquanto destino de Turismo de Natureza. As Terras do Lince englobam os municípios de Almeida, Sabugal e Penamacor.

A grande variedade de atividades programadas para os três dias de feira atrai inúmeros visitantes. Entre conferências, oficinas, visitas guiadas, experiências de gastronomia ou cinema documental, o programa é muito vasto e completo.

“A Naturcyl tem uma importância estratégica cada vez mais relevante para a Turismo Centro de Portugal, uma vez que junta os principais agentes internacionais nas áreas do ecoturismo e do turismo da natureza, produtos em que a região Centro de Portugal se assume como um destino de referência. Acresce que a feira tem uma repercussão muito positiva nos meios de comunicação de Espanha, que é o principal mercado emissor de visitantes estrangeiros para o Centro de Portugal. Por tudo isto, a Turismo Centro de Portugal não poderia faltar”, considera Pedro Machado, presidente da Turismo Centro de Portugal.

A Termatalia tem lugar em Ourense. Já na 20.ª edição, é a única feira especializada em termalismo a nível mundial, estabelecendo a ligação deste produto entre a Europa e a América Latina. A feira fomenta o intercâmbio de experiências, do ponto de vista empresarial, institucional e social, impulsionando o mercado estratégico do turismo termal entre os dois continentes.

A Turismo Centro de Portugal está representada na Termatalia com uma área de 12m2, destinada à valorização da água termal, um recurso endógeno relevante na região.

“A elevada qualidade e diversidade das estâncias termais do Centro de Portugal coloca o turismo de saúde e bem-estar como um produto estratégico para a região. Esta região é um destino de saúde e bem-estar único, equiparado ao que de melhor existe na Europa. Devido à proximidade com Espanha, o Centro de Portugal assume este mercado como preferencial”, explica Pedro Machado.

Durante os dois dias de Termatalia, decorrerão diversas ações de capacitação profissional dos setores de termalismo, turismo de saúde e wellness.