As novidades dos fornecedores

HotelShop cresce acima de 2019

Volume de compras supera valores pré-Covid

Fundada em 2007 – então apenas como HotelShop – a HotelShop+SocialShop é a maior Central de Compras do país na área da hotelaria e economia social, contando como Sócios-Cooperadores 620 unidades hoteleiras e IPSS.

Os resultados de Fevereiro e Março de 2022 evidenciam um crescimento apreciável do volume de compras processado através da Central, superior a 2,5 milhões de euros, tendo mesmo sido ultrapassada a marca atingida em idênticos meses do período anterior à pandemia Covid-19.

O valor percentual médio de poupanças obtidas pelos associados da HotelShop+SocialShop foi de 15,4% – valor determinado por uma amostragem de 36 Diagnósticos de Compras realizados em 2021.

Em número de associados registaram-se no ano findo 36 novas adesões à central de compras, sendo que, entre Janeiro e Abril de 2022, já foram concretizadas 28 novas adesões.

O crescimento do volume de compras reflete a novo enfoque que as empresas turísticas nacionais vêm dando à gestão de custos, seguindo a tendência dos maiores países europeus, onde a maioria dos hotéis processa o seu abastecimento através de centrais de compras como forma de reduzir custos e melhorar a qualidade nos seus processos de abastecimento.

A recente disponibilização gratuita da centralização de encomendas, a par da negociação de fornecimentos, consultoria de compras e centralização de pagamentos, veio proporcionar aos associados uma melhoria substancial da proposta de valor da HotelShop, permitindo uma redução significativa de custos administrativos.

Prevê-se para 2022 um ano record de crescimento da HotelShop+SocialShop, tanto em número de associados como em volume de compras processadas, reforçando assim o seu poder negocial, em benefício de todos os seus associados, de Norte a Sul do país.

SiteMinder lança nova plataforma que abre portas a uma nova geração de digitalização para o comércio hoteleiro

A SiteMinder apresentou na conferência mundial Sync, a próxima geração da plataforma, que permite aos hotéis comercializar os seus quartos e serviços, gerir e aumentar o crescimento de uma forma mais simples e intuitiva. A plataforma apresentada na conferência mundial foi desenhada para levar os hotéis a uma nova era do comércio hoteleiro, a plataforma coloca o sucesso do negócio e os resultados comerciais, em primeiro lugar.

Numa evolução do modelo tradicional, de colocar a tecnologia dos hotéis no centro das viagens, a nova geração da plataforma da SiteMinder foi criada especificamente para posicionar os hotéis no centro de seu próprio ecossistema. Esta nova plataforma vai tornar a tecnologia simples e moderna, prontamente disponível para os hotéis em todo o mundo – uma transição que permite a liderança no comércio global a uma das indústrias menos digitalizadas e mais fragmentadas, que consomem produto a produto.

A SiteMinder identifica este lançamento como o maior esforço para “Omnificar a tecnologia no comércio hoteleiro.”

“Hoje em dia, muitos hotéis são desafiados pela escassez de talentos, custos crescentes e exigências dos hóspedes, mais altas do que nunca. Além disso, são prejudicados pela falta de decisões, que decorre do grande número de tecnologias disponíveis no mercado; atrito na adoção da tecnologia, devido à falta de reconhecimento de que os hotéis são consumidores de um único canal e que esperam uma experiência centrada no cliente; e acessibilidade, por não terem meios e capacidade para encontrar soluções de comércio adequadas para a sua dimensão. Consequentemente, o desenvolvimento dos negócios e da receita está a ficar em segundo plano”, afirma o CEO e Diretor Administrativo da SiteMinder, Sankar Narayan.

“O lançamento da próxima geração da plataforma da SiteMinder amplifica a tecnologia dos hotéis e visa democratizar a tecnologia centrada na hotelaria e torná-la universal. Mais do que reunir produtos díspares, trata-se de permitir que a indústria hoteleira global colha os benefícios da união de plataformas e ecossistemas inteiros e a SiteMinder orgulha-se de ser a primeira a fazer isso acontecer.

Reunindo o conjunto completo de produtos de comércio da SiteMinder, com um ecossistema de canais de reserva, sistemas de gestão de propriedades e pedidos de hotéis e consultores, a nova plataforma tem os seguintes benefícios:

  • Para vender: integrações com canais diretos e indiretos, com insights em tempo real, sobre os comportamentos dos clientes e do mercado e o desempenho dos negócios de um hotel, para apoiarem estratégias de distribuição equilibradas;
  • Para comercializar: Soluções para websites de hotéis e condições de serviços, com integrações para pedidos de hotéis que, juntos, constroem marcas, aumentam as conversões e aperfeiçoam as experiências dos hóspedes;
  • Para gerir: um novo interface de usuário com relatórios mais profundos e centralizados que fornecem, de uma forma completa, uma visão global do kit de ferramentas de comércio de um hotel e permitem que os mesmos façam escolhas sobre as soluções que precisam, sem nenhum atrito significativo;
  • Para expandir: integrações com os 1500 softwares e opiniões dos experts mais bem classificados a nível mundial, bem como pagamentos integrados, incluindo pagamentos automatizados, que permitem aos hotéis validar e pré-agendar os pagamentos dos hóspedes.

Este lançamento mantém o objetivo da SiteMinder de abrir a todos os hotéis, o acesso ao mundo do comércio online. A SiteMinder tem trabalhado no desenvolvimento das experiências do usuário nos seus produtos, atualizando a segurança incorporada na sua tecnologia, simplificando logins e aprimorando a função de ajuda integrada para usuários.

Comentando a evolução da plataforma SiteMinder, Helder Silva, Coordenador de Vendas do Grupo Hotéis Cristal, afirma: “A simplicidade da plataforma SiteMinder é um grande benefício, permitindo-nos realizar multitarefas com muita facilidade e rapidez. Com o novo painel intuitivo e helpdesk online, o nosso trabalho será ainda mais fácil e rápido. Além disso, a possibilidade de aceder a vários relatórios na plataforma, como atualizações de taxas, stop-sells, datas de vendas abertas e dados de usuários, torna o serviço ainda mais confiável e completo. Poderemos investir mais tempo em outras tarefas diárias. A SiteMinder é a ferramenta perfeita para as nossas propriedades. Intuitivo e fácil de usar.”

Barbot lança três novos catálogos

Fachadas, Paredes e Tetos e Carpintaria e Serralharia são os três novos catálogos da marca portuguesa, onde o cliente pode encontrar todos os produtos disponíveis, mas também, através do toque, sentir as texturas das soluções.

Cores, texturas, acabamentos, dicas de aplicação e muitos outros pormenores podem ser encontrados nos três novos catálogos que a Barbot disponibiliza agora ao público nas lojas oficiais e representantes.

Nos últimos anos os catálogos da Barbot têm ido mais longe, além da descrição da oferta de soluções e cores, é possível encontrar dicas de aplicação e cada um dos produtos, alguns conselhos práticos, como por exemplo que cores escolher para tirar o melhor partido da sua casa ou o tratamento a dar a uma fachada antes da aplicação da tinta escolhida. Mas há mais, através dos catálogos, os consumidores podem ainda sentir a textura de cada produto, no caso do catálogo de Carpintaria e Serralharia é possível tocar o acabamento de vernizes aplicados em vários tipos de madeira, como mogno, pinho, carvalho ou cerejeira.

“O nosso objetivo era que os catálogos reunissem o máximo de informação possível para o consumidor e que este tivesse a possibilidade de escolher e sentir os produtos no conforto de sua casa. Para completar a informação dos catálogos, os nossos clientes podem ainda recorrer à nossa aplicação Barbot Paint e até pedir, por exemplo, uma amostra de cor nas nossas lojas”, refere Sofia Miguel, Diretora de Marketing da Barbot.

No catálogo de Paredes e Tetos estão disponíveis 210 cores, sendo que em loja, através do sistema Barbomix há a possibilidade de criar uma cor à medida dos desejos do consumidor. Velvet, Barbomat, Barbosoft, Barbosilk ou Dioplaste são as tintas lisas disponíveis, já conhecidas do público e indispensáveis para a decoração de interiores. Há ainda a tinta texturada Silicorzinha ou o Esmalte In & Out. No que diz respeito a tintas com efeitos decorativos o cliente pode optar pela famosa Ardósia, Glamour ou Íman.

Para as Fachadas a marca portuguesa oferece várias soluções para corresponder de forma eficaz às exigências dos clientes. Barbocril Plus D10, Barbolite, Dioflex 2 RT, BarboArt Fachadas Históricas e Acryl RSX são as tintas linhas indicadas para dar “uma nova cara” às casas. Para quem prefere tintas texturadas tem a opção Barbotex e Silicor. Também aqui há uma variedade de 210 cores.

Por fim, o catálogo de Carpintaria e Serralharia oferece uma gama completa de esmaltes, vernizes e velaturas, para o melhor tratamento quer de madeiras, quer de ferro (gradeamentos e portões). Barbot Infinity, Barbolux Acqua, Barbolux Premium, Barbolux, Barbot Ferro e Barbot Ferro Efeito Forjado são os esmaltes disponíveis. Para o tratamento de madeiras, a marca apresenta os vernizes Prodex Original, Prodex Aquoso, Prodex Opaco, Velatura.

Os catálogos podem ser adquiridos nas 20 lojas Barbot espalhadas pelo país e em lojas representantes da marca.

O licor de chocolate Mozart apresenta a sua versão Dark

Já presentes no mercado nacional com a versão Mozart Chocolate Cream, com chocolate de leite belga, e com a versão Mozart Chocolate White, a Mozart Distillerie anuncia uma nova referência em Portugal dos seus licores de chocolate: Mozart Chocolate Dark. Vegan, glúten-free, sem natas (ao contrário das outras referências) e com uma textura muito fluída, esta nova versão Dark tem notas de chocolate amargo, baunilha, caramelo e de ervas fumegantes de sementes de cacau, apresentando um sabor forte devido aos seus ingredientes naturais.

Esta nova referência também é acompanhada por um novo re-design da imagem de toda a gama de licores, apresentando um novo design que valoriza e destaca a qualidade premium dos produtos licorosos de chocolate Mozart.

Tal como a música do compositor austríaco Wolfgang Amadeus Mozart, a composição deste licor de chocolate é caracterizada pela mais alta qualidade e amor ao detalhe. Ao longo do processo de produção, são necessários anos de perícia, criatividade e paixão, especialmente pelo mestre destilador e chocolatier.

Ideal para cocktails ou sobremesas alcoólicas, os licores de chocolate Mozart são uma obra-prima alegre e sensual, algo diferente de todos os outros produtos no mercado, uma sinfonia de ingredientes em absoluta perfeição e focada no ingrediente principal, o chocolate.

A história da Costa Verde: Como nasce uma grande empresa

Costa Verde está hoje entre as melhores fábricas de produção de porcelanas em todo o mundo, equipando com as suas peças os melhores hotéis e restaurantes.

Geralmente, as grandes empresas começam por ser de pequena dimensão e, graças ao seu esforço e a um conjunto de circunstâncias favoráveis, vão crescendo com o passar dos anos. A história da Costa Verde é diferente: esta empresa já nasceu para ser grande e ainda não parou de evoluir.

Costa Verde: Uma empresa única no mundo

O ano 1992 marca o início da história da Costa Verde. A criação desta empresa resultou da união entre distribuição e produção num mesmo empreendimento industrial, dando origem a um projeto de enorme dimensão.

Logo à partida, esta cooperação foi algo inédito neste setor e a fábrica da Costa Verde foi a primeira a instalar-se na Zona Industrial de Vagos, no distrito de Aveiro.

Com um longo percurso, a Costa Verde ultrapassou diversas dificuldades e hoje esta fábrica é uma das mais modernas no espaço da União Europeia. Com uma área de 60.000 m2 e 360 colaboradores, a Costa Verde continua a crescer, de olhos postos no futuro.

Porcelana, o resultado de séculos de história

cerâmica e a porcelana fazem parte da história do Homem desde tempos remotos. Em escavações arqueológicas é frequente encontrar peças de cerâmica, o que comprova este facto. No século VII, surge na China um material resultante da cozedura a altas temperaturas de duas matérias-primas minerais: o caulino e o feldspato. Nasce assim a porcelana.

Atualmente, a translucidez, a dureza e a brancura são características distintivas deste material. Com o passar do tempo, aprimoraram-se processos de fabrico e o quartzo e a argila foram introduzidos na sua composição.

O resultado está à vista. As porcelanas Costa Verde distinguem-se pela sua beleza, toque suave e alta resistência. Graças à sua elevada qualidade, 70% da produção da empresa tem o mercado internacional como destino, marcando presença em mais de 50 geografias por todo o mundo. 

Costa Verde: Inovação rumo ao futuro

A inovação sempre teve presença na Costa Verde, não apenas na sua fundação, mas também ao longo do seu trajeto. Muitos foram os obstáculos ultrapassados pela determinação dos seus fundadores, mas a modernidade nunca foi posta em causa.

Em 2003, numa altura em que as peças dos serviços de porcelana eram tradicionalmente redondas, a Costa Verde lança a coleção Duo. Esta arrojada linha veio combinar peças de forma redonda, oval e quadrada num mesmo serviço. Foi esta coleção, com mais de 70 peças, que abriu muitas portas à Costa Verde nos exigentes mercados internacionais.

Hoje, numa altura em que muitas empresas se debatem com a necessidade de diversificar as suas formas de chegar mais perto do consumidor, a Costa Verde volta a reinventar-se. Com um novo site é lançada a loja online, onde é possível conhecer e comprar facilmente todas as peças das suas coleções.

A história da Costa Verde é feita de muito trabalho, inovação e dedicação. Descubra a qualidade das porcelanas Costa Verde e dê mais requinte à sua mesa, tanto no dia a dia como nos eventos mais especiais.

Costa Verde Solidária

A Costa Verde, com sede no Município de Vagos, Distrito de Aveiro, levou a cabo uma vez mais a iniciativa Costa Verde Solidária.
Sob o lema “Ser Solidário…”, e pelo oitavo ano consecutivo, a Costa Verde pretendeu tornar a época natalícia mais feliz e confortável a quem mais necessita, convidando para tal a Costa Verde todos os seus colaboradores e parceiros a doarem produtos alimentares, vestuário, calçado, assim como utensílios vários e outros, que consequentemente foram entregues ao Centro de Ação Social de Covão do Lobo, que por sua vez distribuiu por famílias carenciadas do concelho.

Numa altura diferente e de grandes dificuldades para todos, a Costa Verde e a sua responsabilidade social não poderiam, num estado de Pandemia que perdura, deixar de levar a cabo a iniciativa Costa Verde Solidária 2021.

Depois de em 2020 ter obtido um balanço bastante positivo, a iniciativa em 2021 repetiu uma vez mais a vontade de todos ajudarem quem mais precisa, com a angariação de uma tonelada de produtos e artigos diversos.

A Costa Verde congratula-se pelos resultados obtidos e faz um agradecimento público a quem com esta iniciativa colaborou, mostrando assim uma vez mais o espírito solidário e altruísta para ajudar o próximo.

 Makro Portugal apresenta cabazes de Natal “Neste Natal, de novo juntos”

A Makro Portugal acaba de lançar a sua campanha de Natal, “Neste Natal, de novo juntos”, que decorrerá até ao próximo dia 31 de dezembro, em todas as suas lojas de Norte a Sul do país.

Porque a magia e a tradição do Natal se celebram à mesa, a Makro preparou diversos cabazes recheados de sabores cúmplices e deliciosos. Esta é uma ocasião para aproveitarmos as sugestões e surpreendermos os nossos amigos, familiares, colaboradores ou parceiros. Desta forma, a empresa grossista criou 15 cabazes que vão ao encontro de todos os gostos, apresentando um valor que pode ir desde os 19,99€ até aos 389€ (valores sem IVA).

“Numa altura em que somos contagiados pela alegria, magia e solidariedade natalícia, não podíamos deixar que o ano terminasse sem surpreender os que nos visitam. Com uma oferta ampla de cabazes procuramos ser o parceiro dos nossos clientes para encontrarem as melhores ofertas para o Natal”, comenta Filipa Herédia, Communication&Engagement Manager na makro Portugal.

Cada cabaz, além de contemplar os melhores produtos, tem a particularidade de ter um nome alusivo ao Natal, tal como o “Trenó”, no valor de 27,49€ + IVA, ou o “Advento” (49,99€ + IVA).

Por outro lado, nem os sabores biológicos foram esquecidos, uma vez que os clientes podem optar pelo cabaz com o mesmo nome “Biológico” (49,99€ + IVA) ou pelo vegan “Alegria” (59,99€ + IVA), por exemplo.

É também possível fazer a pré-reserva dos cabazes de Natal através de um formulário online, sem ser preciso deslocar-se a uma loja física.

 

 

Saint Gobain Portugal reúne marcas Weber, Placo e Isover em novo website

A Saint-Gobain Portugal S.A. acaba de lançar um novo website integrado que reúne marcas Weber, Placo e Isover. A nova ferramenta, dá ao usuário a possibilidade de pesquisar, de forma integrada, produtos que satisfaçam as suas necessidades. No novo website, é possível encontrar informação sobre a área corporativa da empresa, nomeadamente informações do Grupo em Portugal, bem como sobre a área de negócio, constando nessa secção informação sobre os produtos, sistemas, documentação e ferramentas técnicas das marcas Isover, cuja atividade se centra na oferta de soluções inovadoras para isolamento térmico, acústico e proteção contra o fogo; Placo, especialista no fabrico e comercialização de gesso e placas de gesso laminado; e Weber, reconhecida pela produção e comercialização de argamassas industriais.

A plataforma visa, acima de tudo, ajudar clientes e parceiros a materializarem os seus espaços confortáveis e sustentáveis, prestando apoio técnico a todo o tipo de projetos. Entre as novas características, de destacar a velocidade do site e o facto de ser intuitivo, com vista a facilitar o processo de pesquisa para o target profissional – arquitetos, construtores, engenheiros e orçamentistas – e não profissional “do it yourself”. É possível consultar também a lista de aplicadores e distribuidores dos produtos das várias marcas, pesquisando pela sua localização.

Sempre em linha com as necessidades do seu público, o novo website coloca à disposição do utilizador um calculador de consumo em algumas páginas de produto, ajudando-o a fazer um cálculo aproximado da quantidade de produto necessária para o seu projeto.

“Após alguns meses de trabalho e dedicação de toda a nossa equipa, estamos muito satisfeitos com o lançamento do novo website da Saint-Gobain Portugal. Com o novo site, o utilizador pode de forma fácil e intuitiva aceder às novidades, catálogos, informações técnicas de produtos, projetos, notícias e muito mais. Como sabemos que é uma mudança muito grande, a pesquisa dos produtos é disponibilizada através de dois formatos, por marca, uma vez que sabemos que o utilizador está habituado a aceder ao site de cada marca individualmente e a navegar deste modo, e por atividade, onde encontra uma oferta integrada de produtos que rapidamente satisfazem várias necessidades de uma obra. O novo website inclui ainda melhorias estéticas e possibilita uma melhor experiência, com uma navegação aperfeiçoada, permitindo aos visitantes encontrar facilmente a informação de que necessitam.”, sublinha Ana Rita Bastos, Diretora de Marketing da Saint-Gobain Portugal.

A nova área Mundo Saint-Gobain presente no site é também uma das grandes novidades. Aqui o utilizador encontra informações sobre temas importantes para a Saint-Gobain Portugal, com conteúdos que abordam desde temas relacionados com a sustentabilidade, a inovação, a eficiência energética, o conforto térmico, a acústica, a qualidade do ar interior, a reabilitação, a proteção contra o fogo, bem como a qualidade, ambiente e segurança.

A Academia Saint-Gobain está, também, presente no novo site, no qual será possível encontrar informações sobre os webinars que irão acontecer, rever os anteriores e fazer formações online.

Makro sugere produtos para o brunch perfeito

A pensar na primeira refeição do dia, feita com os produtos ideais, a Makro Portugal sugere os melhores produtos para confecionar um brunch cheio de vitaminas.

Para começar, nada como uma fatia de pão integral torrada, com um pouco de abacate e um ovo cozinhado da sua forma preferida. Para os que gostam de coisas mais clássicas, a Makro conta também com queijo fresco e peito de peru.

Para beber, há sempre a opção clássica portuguesa, o famoso galão. Sugerimos fazê-lo com café de grão biológico, 100% Arabica, à venda na makro, e Leite UHT Magro dos Açores. Para os fãs de chá, podem encontrar na Makro Portugal o tranquilizante chá de camomila ou o energizante chá preto.

De relembrar que a primeira refeição é sempre a refeição mais importante do dia, pelo que deve incluir proteínas e vitaminas de forma a iniciar o dia com energia e de forma revitalizada.

Costa Verde na Expo 2020 Dubai

A Costa Verde, sediada em Vagos, Aveiro, foi a marca escolhida pelo chef Chakall para equipar o restaurante Al-Lusitano, em pleno pavilhão de Portugal na Expo 2020 Dubai, a realizar-se entre 1 de outubro de 2021 e 31 de março de 2022.

Segundo comunicado, “o restaurante português apresentará uma carta com combinações de produtos de excelência”, “com o objetivo bem definido pelo chef Chakall: «O melhor de Portugal, na mesa do mundo.»”, o que se estende a todos os produtos utilizados no projeto.

Em Portugal há mais de 20 anos, Chakall, além de proprietário e parceiro de vários projetos nacionais e internacionais, é conhecedor da gastronomia e cultura portuguesas, que dará a conhecer neste evento durante seis meses.

A Costa Verde iniciou atividade em 1992, sendo uma das mais modernas empresas do setor em todo o mundo, produzindo em Portugal e para o mundo. A fábrica está localizada no distrito de Aveiro, em Portugal, possuindo uma área coberta de 35.000 m² e uma área disponível de mais de 65.000 m². Ao longo de quase 30 anos de crescimento sustentado, surgiram parcerias em vários mercados espalhados por todo o mundo. A constante pesquisa, criação e desenvolvimento de novos produtos e conceitos permitiu à Costa Verde estar hoje presente em mais de 50 geografias e obter 70% do volume de negócios no mercado internacional.

Como manter ou aumentar a sua cota de venda direta depois da pandemia

A venda direta dos hotéis vive um momento doce, com um grande aumento da sua cota e convertendo-se num canal fundamental no channel mix.

Agora que parece que a pandemia retrocede e se consolida a recuperação, surgem perguntas como: “Quantas de todas estas mudanças voltarão à mal denominada “normalidade” e quantas serão permanentes?” E, quiçá, a pergunta mais relevante: “O que deve fazer o hoteleiro para consolidar esta cota de venda direta sem penalizar a recuperação das suas receitas totais?”. Analisamos isso.

manter aumentar venda direta hotel depois pandemia mirai

Porque é que parte desta mudança será permanente

São muitos os motivos que nos convidam a pensar que muitas das mudanças que se produziram neste ano e meio de pandemia deixaram de ser conjunturais e passarão a ser estruturais.

  • A maior transformação digital da história.

Em apenas 18 meses, avançamos 10 anos em digitalização, sobretudo perdendo o medo de comprar pela internet. Agora já compramos tudo online, até o que antes víamos como uma loucura. Isso constatam os dados de 2020 das maiores empresas do mundo. Será que o consumidor voltará aos seus hábitos de antigamente depois de ter aprendido a lição? Dificilmente.

 

EMPRESA VENDA TOTAL VENDA INTERNET
Zara -32% +79% >> Fonte
Nike -8% +82% >> Fonte
Walmart +7% +79% >> Fonte
Carrefour +8% +70% >> Fonte
  • A utilização do telemóvel disparou ainda mais.

Os nossos dados confirmam que o consumo de websites de hotéis a partir do telemóvel disparou, chegando em muitos casos a 70% sobre o total das visitas (de notar que estes dados variam muito conforme o mercado emissor e a idade média do cliente).

2020 foi o ano de maior crescimento de reservas realizadas a partir do telemóvel, com mais 43% em relação a 2019. Vemos como, em 2021, continua a crescer, ainda que agora com taxas muito mais baixas. Em termos absolutos, há hotéis onde 60% das vendas são realizadas a partir de um telemóvel. Mais uma vez, este dado varia muito de hotel para hotel segundo os mercados emissores e idades dos seus clientes.

crescimento vendas telemovel Mirai

 

  • Muitos utilizadores descobriram o canal direto pela primeira vez.

E entenderam que é uma alternativa válida, segura e de maior valor acrescentado em muitos casos. Algo inconcebível há apenas 18 meses. Muitos destes utilizadores irão voltar-se para o canal direto de agora em diante no momento de reservar.

  • De igual modo, muitos hoteleiros descobriram o poder do canal direto.

E ao verem que funciona e traz volume, começaram a apostar de forma mais determinante no mesmo. Ações como mais investimento em marketing ou oferecer melhores condições que nas OTA são alguns exemplos que, anteriormente, muitos hoteleiros não se atreviam a iniciar.

  • A reativação dos operadores de tours não será imediata.

A operação de tours é um negócio que requer muito circulante para estabelecer a sua operacionalidade e as suas rotas. Poucos têm a posição financeira para o fazer e é provável que muitos não voltem a operar, ou o façam com dimensões mais reduzidas. De qualquer maneira, é provável que as lacunas deixadas sejam aproveitadas por outros operadores de tours novos, mas parte da perda de cota já está consumada e não há volta atrás.

Para além disso, existe o risco das companhias aéreas ocuparem parte das rotas deixadas pela operação de tours, fazendo com que seja ainda mais difícil o retorno destas operações.

  • Fecho permanente de grossistas e agências físicas.

Este ano e meio de crise implicou um drama para muitas empresas pequenas e médias, que viram as suas portas fechadas de forma abrupta e sem possibilidade de vender nada. Infelizmente, muitas agências não voltarão a abrir fisicamente, ficando algumas delas a tentar vender online. Mais uma vez, é uma maior procura que passa do offline ao online onde a venda direta pode competir e ganhar cota se o fizer bem.

  • Memória hoteleira.

Muitos hotéis lembram-se das jogadas da intermediação (faltas de pagamentos ou mudanças unilaterais de política de cancelamento) quando esta lhes mostrou a sua face mais amarga. A realidade, quer gostemos ou não, é que a intermediação está voltada para o seu cliente, voltando as costas ao hoteleiro, quando tem que escolher. É uma postura conhecida por todos, mas nunca antes vista com tanta nitidez. Ainda agora, muitos hotéis são Genius e dão descontos mobile às OTA (ao mesmo tempo um disparate e um absurdo), assim que a situação se estabilize, muitos hoteleiros não terão dúvidas em deixar de trabalhar ou reduzir a sua dependência dos intermediários dos quais possam prescindir.

  • Mais visibilidade por parte da Google ao canal direto em Hotel Ads.

Os free booking links da Google, ligações gratuitas dentro do módulo de Hotel Ads, implicaram mais um empurrão para o canal direto dos hotéis com um aumento de entre 0,84% e 4,32% de venda direta.

Plano de ação para manter, ou até aumentar a sua cota direta assim que esteja superada a pandemia

Quando se abrirem as fronteiras, sejam eliminadas as restrições e se recupere a procura em todos os segmentos… deixarão de ocorrer muitos dos motivos para que as vendas online e, mais especificamente, o canal direto, tenham reportado bons números.

Embora ainda falte tempo para isto, vamos avançando nessa direção e é importante ser realista sobre o facto de, caso não fizer nada para o evitar, o normal será que a sua cota de venda direta desça (não o volume).

Apresentamos-lhe um plano de ação para conseguir que isso não ocorra, ou que ocorra em menor grau. Ou, inclusivamente em alguns casos, continue a crescer.

  • Simplifique o seu channel mix. Na distribuição, menos é mais.

Tem uma oportunidade única para fazer uma limpeza aos canais de que não necessita e que só lhe trazem “ruído”, para além de lhe gerarem disparidades (in English). O facto de um canal lhe trazer vendas não quer dizer que essas vendas sejam incrementais. De facto, o normal é que não seja assim. Enterre o mito de que “quantos mais canais melhor” ou “há sítio para todos” (in English). Alguns conselhos sobre como detetar canais que lhe estão a mais:

  • Os que lhe vendem principalmente na temporada alta e muito pouco no resto do tempo.
  • Que não lhe trazem venda incremental, mas antes são os mesmos clientes que teria captado da mesma forma, mas por outro canal.
  • Com clientes de mercados muito habituais e onde lhes pode chegar facilmente.
  • Que lhe geraram problemas de disparidades, especialmente bancos de camas.
  • Que lhe deixaram um preço médio líquido muito baixo quando comparado com o resto dos canais (por baixo preço médio de venda ou por custo elevado).
  • Que não lhe facultam informações sobre os clientes que reservam, de onde são ou se usam o telemóvel ou se pagaram com cartão ou paypal.

A realidade é que no ano de 2021 pode vender centralizando toda a venda online em 2, 3 OTA (as mais importantes) e o seu canal direto Não precisa de grande apoio de B2Bs para o mundo online. Precisa sim para o mundo offline de retalhistas e empresas, mas esse mundo, lamentamos, é cada vez mais pequeno.

  • Defina e implemente valores de diferenciação claros no seu canal direto. 

Responda aos seus clientes de forma contundente à seguinte pergunta: “porquê reservar na sua página?”. Evite mensagens banais e sem impacto como “melhor preço garantido” ou “pagamento direto” e convença o seu cliente com valores reais, alguns tão atuais como teste de covid incluído ou seguro médico. De qualquer maneira, pense que para a grande maioria é menos arriscado reservar o seu hotel no Booking.com ou Expedia que na sua página web. O que dará em troca de reservar diretamente?

valores diferenciação Mirai

Menção especial ao preço como valor de diferenciação, já que continua a ser a alavanca mais poderosa e eficaz para persuadir o seu cliente para que reserve diretamente. Pode oferecer este melhor preço diretamente em aberto, ou protegê-lo através de um clube de fidelização. E é totalmente compatível com as suas estratégias de ganhar visibilidade nas OTAs com descontos múltiplos Genius ou mobile. Ganhe visibilidade lá, mas sempre disponha de melhor preço na sua página web. Fazer o contrário é um erro estratégico.

  • Invista na melhor tecnologia. 

Parece óbvio e não vamos aprofundar, mas disponha de uma página web profissional, nos idiomas necessários e com o conteúdo adequado. O mesmo para o motor de reservas que tem de ser bom, funcional e muito orientado para a conversão (simples, direto, seguro, que facilite a internacionalização, etc.). Com a tecnologia, normalmente, o barato sei caro. Escolha um bom produto, porque acabará sempre por ser mais rentável. Na Mirai podemos ajudá-lo com toda a tecnologia que necessita para vender diretamente.

  • Invista em visibilidade e leve o máximo tráfego qualificado para a sua página web.

O marketing online será uma peça fundamental na sua estratégia de canal direto. Aproveite o grande momento atual e retome ou inicie as suas campanhas de marketing online com o objetivo de atrair visitas de qualidade à sua página web. Especialmente agora que os níveis de cancelamento parecem estar a estabilizar, algo que é crucial em investimentos CPC (custo por clique).

cancel ratio evolution

E comece sempre pela parte mais baixa do funnel e de aí para cima. A atividade relacionada com a proteção de marca é a mais rentável e para se assegurar a que esteja sempre ativa, para não perder nenhuma atividade, já que isso se trata de capturar a procura existente. Para isso, é imprescindível que ative as campanhas de marca na Google e Bing ads e, é claro, os meta-motores de pesquisa.

Além disso, se tem um volume de tráfego web, é bom que ponha em funcionamento ações de remarketing, sobre os utilizadores que visitaram a sua página web, mas não tenham reservado.

O Email marketing merece uma menção especial. Manter uma boa relação com a sua base de dados é crucial. Defina e planifique adequadamente as campanhas e mensagens comerciais que pretende remeter-lhes. Geralmente é um canal que gera resultados favoráveis.

funnel Mirai

Assim que tenha coberto esta etapa, invista mais acima no funnel onde irá aceder a mais volume, mas menor rentabilidade. Chegará aos utilizadores com intenção de viajar e que se encontram no processo de planeamento. Passará a ações como visibilidade em pesquisas de palavras-chave genéricas ou genéricas long tail no Google Ads. Google Property Promotion Ads ou ações de prospecting na rede de Display da Google sobre públicos qualificados. Ou em paid social, especialmente Facebook ou Instagram, cujo desempenho melhorou muito.

  • Identifique as mudanças de tendência e adiante-se.

A recuperação será gradual e em função do mercado emissor e do destino. Para analisar a situação é crucial contar com dados e uma boa ferramenta de Business Intelligence (BI) que o alerte sobre as mudanças de tendência e para que possa adiantar-se reativando as suas campanhas de marketing com especial foco nesses mercados. Neste exemplo podemos ver a mudança de pickup nas últimas semanas do mercado alemão com destino a Barcelona.
YoY sales

  • Prepare um calendário de campanhas táticas.

Existem muito mais datas quentes onde “fazer alguma coisa” para além do Black Friday. São datas onde pode ter a iniciativa e não estar sujeito a que as OTA o façam por si. Toca aos seus clientes (email marketing), oferecer-lhes algo especial e único, reservando direto, gere vendas novas e eduque o seu cliente dessa forma. As campanhas táticas ajudam a que ganhe cota pouco a pouco e de forma mais discreta.

Só precisa de ideias sobre o que fazer, uma landing page na sua página web onde transferir os seus clientes, um carregamento bem feito no seu motor de reservas e uma ferramenta ou serviço de email marketing. Com 6-8 campanhas táticas por ano tem muito que ganhar e manter.

  • Fidelize o seu cliente.

Sem lugar para dúvidas a fidelização é o objetivo subjacente de todas as anteriores e que deve tatuar no ADN da sua equipa. Fidelizar o seu cliente significa não ter de lutar mais por captar uma venda de futuro. Mas não só fidelizar o cliente, também através do canal direto. Os hotéis com maiores índices de repetição têm sempre maiores cotas de venda direta. Tem muito do trabalho já feito.

Conseguir que os seus clientes voltem e reservem diretamente dispara a rentabilidade, ajuda-o a criar um modelo sustentável independente da intermediação e permite-lhe sair muito antes da crise que estamos a viver. São todas vantagens.

Outra grande vantagem de fidelizar é que isso lhe permite ser mais agressivo e assumir um maior custo captando a primeira venda, inclusive superando os 50% de comissão. Se consegue que os seus clientes voltem 3 ou 4 vezes nos próximos anos, este custo pode ser diluído mais rapidamente.

E não é complexo começar a fidelizar os seus clientes. Só precisa de uma proposta de valor acrescentado clara (ver mais acima), criar um vínculo com os seus clientes e manter essa relação viva ao longo do tempo com propostas de valor (não spam). Para isso, é crucial dispor de um clube de fidelização no seu canal direto (na Mirai também o podemos ajudar com o clube integrado no nosso motor de reservas) que lhe permita levar a cabo de forma bem sucedida todas as ações que comentamos anteriormente.

Conclusão

Manter a sua cota de venda direta está muito mais à mão do que pensa. Caso não faça nada e esperar que tudo volte à “normalidade”, as OTAs serão quem se irá aproveitar das muitas mudanças que vieram para ficar. Por outro lado, se analisar bem o seu hotel, entende as dinâmicas que mudaram na sua segmentação e channel mix, encontrará muitas oportunidades a explorar e não só irá manter a sua cota de venda direta como irá fazê-la crescer.

“Space & Underwater Tourism Universal Summit” (SUTUS 2021)

NASA, JAXA e o projeto de Málaga “Senda Azul” são algumas das estrelas confirmadas de SUTUS 2021

  • SUTUS 2021 “Beyond Known Borders” é um evento global único, organizado pela Les Roches Marbella e Medina Media Events, que teve a primeira edição em 2019 e que se repete este ano, na sequência da pandemia.
  • O encontro terá lugar pela segunda vez na Les Roches Marbella de 22 a 24 de Setembro, coincidindo com o equinócio de Outono, e terá um formato híbrido, com um primeiro dia presencial e mais dois dias em formato virtual.
  • Será o primeiro evento onde os principais especialistas mundiais discutirão a corrida espacial entre bilionários que está a ser seguida em todo o mundo.

 SUTUS 2021, o evento pioneiro sobre turismo espacial e subaquático, reunirá na sua segunda edição na Les Roches Marbella de 22 a 24 de setembro as principais agências espaciais internacionais, organizações nacionais e empresas do sector subaquático para debater os dois grandes desafios do turismo de luxo: o cosmos e a água.

O evento é organizado pela Les Roches Marbella, uma das instituições de ensino de referencia em Espanha e uma das mais importantes do mundo em conjunto com Medina Media Events. Além disso, o campus da Les Roches Marbella acolherá também uma área de demonstração onde diferentes empresas nacionais e internacionais apresentarão aplicações relacionadas com o turismo, como parte do compromisso dos organizadores de abrir a experiência no local aos avanços oferecidos pelas novas tecnologias.

De Marte à Lua no SUTUS 2021

Este foi um ano chave para a exploração espacial, com marcos históricos como a chegada de sondas e robôs a Marte por agências como a NASA, a agência espacial chinesa e os Emirados Árabes Unidos, bem como as primeiras viagens privadas tripuladas da SpaceX à Estação Espacial Internacional e a corrida espacial entre os bilionários Jeff Bezos e Richard Branson, proprietários da Amazon e da Virgin Galactic, marcos que serão discutidos durante o encontro.

SUTUS 2021 contará com a presença da NASA, representada por Sam Scimemi, enquanto Assistente Especial do Administrador Associado para os Voos Tripulados, com sede em Washington. Scimemi, que esteve na primeira edição do SUTUS, tem mais de 30 anos de experiência em voos espaciais humanos, tendo iniciado a sua atividade no Johnson Space Center (Houston, Texas), estando envolvido em projetos da NASA tais como Shuttle, Hubble, Estação Espacial, SOFIA, NPP e muitos outros. Neste momento encontra-se a colaborar no projeto Moon Mars, contribuindo com a sua experiência na segurança de missões tripuladas.

Uma das novidades de maior destaque da edição deste ano será a presença da Agência Aeroespacial Japonesa JAXA, representada por Hiroko Asakura, Diretora-Adjunta desta agência junto da União Europeia, que se encarregará de apresentar o compromisso do país com o turismo espacial.

O discurso de Asakura no SUTUS 2021 centrar-se-á na participação do Japão no programa “Artemis” da NASA, cujo objetivo é explorar novamente o espaço exterior da Terra Luna e trazer “a primeira mulher e o próximo homem” e no qual o Japão é o parceiro principal. Além disso, no âmbito das iniciativas privadas de turismo de luxo, também se fala japonês. O magnata Yusaku Maezawa aspira a ser o primeiro turista espacial a viajar para a Lua e convidou outras oito pessoas a juntarem-se à expedição, que deverá descolar em 2023 numa das naves espaciais da SpaceX.

O luxo de mergulhar entre navios e porta-aviões afundados

Mas o SUTUS não é apenas um evento estrelar, há também uma grande parte dedicada ao turismo subaquático, tal como o projecto “Senda Azul” de la Costa del Sol, uma iniciativa do Conselho da Província de Málaga que visa valorizar a riqueza subaquática dos 180 quilómetros da Costa del Sol, tornando acessíveis sítios arqueológicos, recifes e embarcações afundadas do tempo dos gregos, do Império Romano, da Batalha de Lepanto e da Segunda Guerra Mundial. Além disso, o projecto inclui a construção de recifes artificiais e bases náuticas, que serão um atrativo para o turismo de luxo, ajudando ao mesmo tempo a preservar e proteger os recursos marinhos, a flora e a fauna. Nas palavras do Presidente da Câmara de Málaga, Francisco Salado, que é também Presidente do Turismo da Costa del Sol, a “Senda Azul” é uma aposta no meio ambiente e na sustentabilidade, e também na oferta turística, patrimonial e cultural. Mas será Javier Noriega, presidente del Clúster Marino Marítimo de Andalucía, o responsável por apresentar aos especialistas internacionais de SUTUS 2021 os detalhes deste projeto com o qual colabora há vários anos.

Carlos Díez de la Lastra, Diretor do campus Les Roches na Costa del Sol, afirma: “Estamos muito entusiasmados por estar de volta este ano com SUTUS 2021, um evento único no mundo, onde poderemos explorar com mais detalhe o que está acima das nossas cabeças e abaixo dos nossos pés, porque estamos muito mais perto do que as pessoas pensam ampliar os nossos limites. Em apenas dois meses, as agências líderes na corrida pelo turismo de luxo espacial  e turismo subaquático encontram-se em Marbella, Andaluzia. E as grandes expedições à América, para descobrir o Novo Mundo e  também começaram a partir daqui”. Nas próximas semanas, os organizadores do evento vão anunciar mais detalhes desta segunda edição do SUTUS, cuja agenda oficial será publicada um mês antes do evento, bem como a abertura do processo de inscrição para os três dias, que pode ser seguido através da plataforma virtual.

Para mais informação: www.sutusummit.com